domingo, 4 de setembro de 2011

É possível. Eu acredito.

 A possibilidade que eu tanto procurava ao redor de mim eu encontrei. Aliás, estou encontrando. Porque, a cada dia que passa, sinto-me alguém diferente. Experiências que vivencio a todo momento vão fazendo parte da minha e vão me tornando uma pessoa melhor, como assim prefiro dizer. A possibilidade eu encontrei, mas percebi que fui eu que a fiz. Agradeço ao mundo, especialmente às pessoas, pela ajuda, pela companhia, pela amizade, pelos risos, pelos desafios, pelos momentos. Faço da possibilidade a fonte da minha vida e a fonte de ajuda do mundo, fonte de realização. A cada passo que dou eu me torno. Eu me torno alguém diferente, que não se esquece de quem era, mas vive quem está sendo. E por isso eu insisto em continuar. Porque acho que ainda seja possível: ser e ajudar um outro alguém a ser. Assim, eu insisto na caminhada. Não é porque dizem. É porque eu acredito e luto!
(Jones Barreto Corrêa)

Nenhum comentário:

Visitantes Online